Procure nos arquivos do P29BR

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

P29BR 29er CASE - O incrível caso da Marzocchi MX Pro 29

Como uma suspensão ano 2004 pode ser muito superior a outras que estão hoje no mercado?


Em virtude da escassez de garfos para 29er de custo mais baixo aqui no Brasil, o P29BR procura sempre que possível disponibilizar algum para estimular novas adesões ao formato. O blog tem por meta se manter o mais imparcial possível, evitando postar algo que possa parecer propaganda tendenciosa, entretanto não posso deixar contar a você, blog-leitor, minha recente experiência com o primeiro modelo da Marzocchi específico para aro 29 polegadas.

Recebi o MX Pro há duas semanas e como costumo fazer, coloquei o garfo para rodar. Trata-se de uma suspensão feita em 2004, último ano em que fez parte da linha Marzocchi. Inclusive o meu exemplar foi produzido na Itália, o que deixou de acontecer com a transferência da linha da marca para a Ásia, seguindo a tendência das grandes fábricas do setor.


O incrível é que o pioneiro modelo MX Pro 29 equipava algumas das pioneiras Gary Fishers. Ao contrário de Gary, um visionário que efetivamente apostou no formato e hoje já conta com os recém conquistados títulos americanos de XC masculino e feminino, a Marzocchi preferiu abandonar a produção de suspensões para 29ers. Apenas em 2009 os italianos decidiram voltar ao jogo.

O Marzocchi MX Pro 29 tem uma distância eixo-coroa alguns milímetros maior que o garfo original da Caloi Two Niner. A troca resultou em uma diminiução do ângulo da caixa de diração, passando de 71 para 70.5 graus. Pode parecer pouco, mas esse pequeno relaxamento do head angle poderia vir a ser o responsável por tornar a bike mais lenta nas respostas. O fato é que ocorreu exatamente o contrário, a Two Niner vestiu melhor com o garfo italiano. Mas como isso seria possível? Aí entra a visão da fábrica e o inteligente projeto da suspensão. A Marzocchi se adiantou e proveu o MX Pro 29 com um offset de 44mm, bastante propício para corrigir o aumento do trail gerado pelas rodas de maior diâmetro (mais detalhes em http://projeto29brasil.blogspot.com/2009/10/p29br-29er-test-garfo-de-carbono-niner.html). Somente a partir de 2008 as grandes marcas de suspensão perceberam a necessidade da correção da medida do trail nas 29ers, e adotaram entre 43 e 46mm como padrão para o offset dos garfos específicos para as Rodas Grandes.

A MX Pro não está entre as mais leves do mercado, pesa o mesmo que o garfo de linha da Caloi Two Niner, entretanto em se falando de desempenho, quanta diferença... O modelo italiano apresenta uma sensibilidade muito particular na trilha, provavelmente por mesclar o uso de ar e mola helicoidal. As regulagens são várias, desde a pré-carga que é setada através da câmara de ar ao sensível controle de retorno.


Os mais afoitos podem vir a reclamar da falta da uma trava, mas um dos grandes destaques da Marzocchi é o sistema ETA, que permite reduzir a altura da suspensão nas subidas, baixando a frente da bike e ainda conservando 30mm de curso para manter a sensibilidade do garfo. Dependendo do seu tipo de condução, funciona melhor que uma trava propriamente dita. A MX Pro pede uma tocada macia nas subidas, encontre uma marcha que te permita rodar confortavelmente sentado e o pedale morro acima.


Os detalhes construtivos são cheios da tradicional elegência italiana, dois grandes exemplos são o arco em forma de M e a coroa vazada que suporta as bengalas. Apesar de inteligente, eficiente e bonita, a Marzocchi MX Pro 29 é hoje quase que uma raridade. Alia-se às propaladas qualidades do equipamento, a durabilidade comprovada, mesmo após 5 anos o garfo funciona "como manteiga", expressão que os americanos adoram! Um exemplo de qualidade que espero possa ser seguido por outras marcas, inclusive a nacional ProShock, que alega altos custos produtivos e afirma hoje ainda não ter qualquer interesse no formato 29er, só depois que a "moda" pegar...

Keep 29eriding!

24 comentários:

  1. A ProShock deveria ter fechado uma parceria da msm forma que a VZAn fez com o projeto (agora um bom produto)da 29er da CALOI.
    Desta forma o incentivo ao formato das rodas grandes seria,creio eu, melhor e mais bem difundido no Brasil.

    Quanto ao Garfo da Marzocchi, concordo plenamente,pena que não é apenas os garfos mais antigos que eram de melhor qualidade e mais bem acabados, muitos outros produtos de 5,6 anos atrás eram sem dúvida superiores aos de hoje..

    ResponderExcluir
  2. Gostei!
    Vermelho, ficaria bem na Saga Tomato!

    ResponderExcluir
  3. Lugar lindo esse das fotos. Dava pra fazer um XTERRA.

    ResponderExcluir
  4. Escutei a mesma coisa de um grande fabricante de bikes: "Iremos ver se essa moda realmente vai pegar, aí sim pensaremos em disponibilizar modelos 29er". Segundo o representante da empresa não há peças de reposição suficiente no mercado, por isso não poderiam lançar modelos de rodas grandes.

    Abraços e feliz 2010!!!

    ResponderExcluir
  5. Foi só postar que ja vendeu né? he he he.
    Tava vendo que alem desta Reba anunciada no blog, existem 2 outras usadas a venda no Orkut.
    A pergunta é?
    Vale o investimento, mesmo sendo um modelo antigo?
    Pelo preço acredito que sim, pois uma Tora SL 2010 29ers esta na mesma faixa de preço e pesa quase 400 gr a mais.

    ResponderExcluir
  6. Oi Luiz,

    As fotos foram feitas na represa de Itupararanga, entre os municípios de Piedade e Votorantim aqui no estado de São Paulo. Sem dúvida daria um X-Terra superlegal.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  7. Fala Ronald,

    Até março quando chegam a maioria das importações de novos produtos, as opções de peças para 29ers serão realmente interessantes.

    Esse negócio de "moda" é papo de quem não conhece de fato o formato ou tem medo de apostar nele.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  8. Oi Luiz,

    Ainda não vendi a Marzocchi e quando isso acontecer certamente sentirei falta dela.

    Quanto à Reba, sim vale a pena, não só pelo peso, mas principalmente pela possibilidade de setar a sensibilidade do floodgate (plataforma). Eu raramente uso a trava.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  9. represa de Itupararanga: excelente local para diversos esportes outdoor.

    ResponderExcluir
  10. Oi Adil,
    Desculpe o "off topic" mas vc saberia
    me dizer se já há pneus semi-slick disponíves para 29ers por aqui. Vou meter minha caloi 29er nos Audax e arrastar 2,25 de borracha é punk.
    Valeu!

    ResponderExcluir
  11. Para o usuario Roger
    use os pneus 700x38 com camara de ar 1.5 bico fino que da certo eu uso na minha 29, so que perde todo o conforto....

    ResponderExcluir
  12. Ainda p/ Roger
    a camara é 26x1.5 bico fino, o pneu tem kenda por 30,00 ou maxxis por 70,00 nas lojas aqui de Ribeirão Preto

    ResponderExcluir
  13. Oi Roger,

    O Tiago já fez o serviço, obrigado!

    Basicamente você pode escolher entre pneus híbridos ou os de speed. Hoje uso um Michelin 700x20 para pedalar com a Two Niner no asfalto. Se você usar esse tipo de pneu e um garfo rígido, vai "voar" no Audax e ainda economizar um pouco de energia.

    Qualquer dúvida, pergunte.

    Boas pedaladas!

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  14. Tiago , Adil,

    Muito obrigado pelas dicas. Suspeitava que os 700 deviam servir mas me disseram o contrario na loja onde comprei a bike. Vou testar e informar o lojista.

    Valeu mesmo!

    ResponderExcluir
  15. adil brother com vai!!!!!
    nao comprei minha gary mais perco a esperança!!!!!vi no site de um amigo
    uma orbea alma 29 frame vou ver o preço amanha!!!!! o que voce acha???? tem tambem as specialized comp e a rockhopper!!!fico no aguardo!!!!tenho que fazer parte desta turma...um abraço paulo carcaça

    ResponderExcluir
  16. Oi Paulo,

    Você será muito bem vindo na turma cada vez maior dos proprietários de 29ers aqui no Brasil.

    A Rockhopper é uma excelente porta de entrada ao formato, mas corra, a importadora já vendeu todas que havia trazido e restam pouquíssimas nos revendedores.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  17. adil vale pagar 2.700.00 a mais na specialized stumpjumper comp?????

    ResponderExcluir
  18. Oi Paulo,

    O raciocínio é simples, se você tem 2,7K a mais, vale. Vão ser alguns kilos a menos e tecnologia a mais.

    De qualquer forma, a Rockhopper cumpre muuuuito bem o papel de primeira 29er.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  19. compre seu quadro 29er na www.pricepoint.com.

    marca SETTE.

    ResponderExcluir
  20. A transferência de produção para Ásia só aconteceu em 2008.
    Tive uma MZ XC600 ano 2007 que ainda era made in italy.

    ResponderExcluir
  21. Ola Adil!
    Estou com dificuldades de encontra camara de ar (29) para minha Two nine aqui em PE, podes me ajudar de alguma forma???
    P.S: Por que esses pneus da Two nine furam tanto????

    ResponderExcluir
  22. Pra o Antonio,
    vc pode usar a camara de aro 26 na 29er se, problema, mas lembre-se de comprar com bico longo*, sobre os furos pode um um espinho no seu pneu que vc ainda nao achou ou se vc passa sempre pelo mesmo lugar, deve ser ali que estao os galhos com espinhos, no meu caso foi isso sempre subia por aque caminho e sempre furava o pneu (rsrs). abraços e fique com Deus

    ResponderExcluir
  23. esqueci !!! vc deve inflar a camara para acomoda-la no aro, depois esvazia só um pouco e monta , abraxxx

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens Recentes no P29BR