Arquivos do P29BR

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

P29BR 29ER TEST / Manitou Tower Pro 29

Apresentando a suspensão para 29ers da tradicional marca americana.



Quando participei das minhas primeiras provas no início da década de 90, a Manitou já produzia suspensões. Doug Bradbury, o homem por trás da marca, conseguiu o que parecia impossível na época, criar uma suspensão de baixo peso para bikes. O novo garfo da Manitou atraiu imediatamente o interesse da estrela do momento no esporte, o lendário John Tomac, que pediu para usar a suspensão. Iniciava-se aí uma sólida parceria que duraria muitos e muitos anos, renderia inúmeros frutos e por fim levaria os dois ao célebre Hall da Fama do Mountain Biking.

Passada uma década, a marca faria história outra vez com a concepção do SPV, que junto com o sistema Curnutt da Foes, foi o precursor da tecnologia de Plataforma Estável que revolucionou o mercado de suspensões para bikes de XC competitivo.

Num passado recente, talvez por decisões administrativas equivocadas, a Manitou perdeu força no mercado internacional e viu os concorrentes avançarem. A virada veio com a aquisição de marca pelo Hayes Bicycle Group, detentor de outros nomes de sucesso, como os freios Hayes, as rodas Sun Ringlé, os raios Wheelsmith e os componentes Answer.

O lançamento do modelo Tower acompanhado por uma linha completamente remodelada, trouxe a Manitou de volta ao jogo com força total. Em termos de Brasil, não foi diferente, agora representada pela Fepase, a marca volta a ganhar força e aparecer nas lojas, apoiada por um pós-venda eficiente e comprometido com o consumidor, além de um centro de manutenção de alto nível, com um estoque invejável de peças e partes de reposição. Falo com conhecimento de causa, pois estive lá conferindo pessoalmente.



Específica para 29ers, a Manitou Tower substitui a tradicional Minute, que continua a ser fabricada apenas para bikes aro 26. O P29BR recebeu para testes a Tower Pro, top de linha, que conta com ajustes de pré-carga de ar, retorno e compressão, além de travamento. É oferecida também uma versão de menor custo da Tower 29, a Expert, que logicamente pesa um pouco mais.

O sistema de amortecimento MARS da Manitou Tower Pro promete contar com a suavidade e progressividade de uma mola helicoidal apoiada pela ajustabilidade de um cartucho pneumático, uma combinação pouco comum para uma suspensão construída para o XC, ainda assim a Tower consegue pesar respeitáveis 1.695 gramas com a espiga cortada em 170mm, méritos totais para seus engenheiros.

Logo de início o que chama atenção é o emblemático arco invertido, marca registrada da Manitou.



O grafismo todo particular da Tower também se destaca por transmitir um ar modernidade mesclado com um quê de agressividade, em um conjunto aparentemente bem acabado com controles anodizados.



Como era de se esperar de uma suspensão desse nível, as hastes tem 32mm de diâmetro, construídas em alumínio 7050 com paredes de espessura variável, o que colabora para o baixo peso do conjunto.

Seguindo a tendência do mercado, o suporte de freio é do tipo post-mount, dispensando o uso de adaptadores para rotores de 160mm.



Uma curiosidade fica para o offset da Manitou Tower com seus 48mm, exatamente no meio do caminho entre o padrão da indústria (45mm) e o número adotado por Gary Fisher para a Geometria G2 (51mm). Qual influência essa variável exercerá sobre sua 29er? Saiba em algumas semanas, acompanhando aqui no P29BR o teste completo da Manitou Tower Pro, uma nova opção já ao alcance do consumidor brasileiro.

Keep 29eriding!

41 comentários:

  1. Adoro essa marca!!!

    É minha segunda opção pra montar um garfo com suspensão, já que a Proshock tem o custoXbeneficio, manutenção, e disponibilidade no mercado bem interessantes.

    Me lembro das Manitou da decada de 90, com varios componentes usinados e que davam caracteristicas singulares a seus modelos.

    Recentemente cheguei a procurar um modelo Drake pra comprar mas não encontrei, deve ser pelas mudanças de distribuidor.

    Ai comprei uma Proshock Onix!

    ResponderExcluir
  2. Tomara que venha com tudo pra brigar de frente com suas concorrentes, pois é uma marca muito tradicional e conceituada.


    Quem não lembra das Manitou 1,2,3 e 4?

    abs!!!

    ResponderExcluir
  3. Tem um "Easter Egg" nessa reportagem. Que quadro é esse ai Adil?

    Ale, ja pegou a 29er? Tem proshock Onix 29?

    ResponderExcluir
  4. Também fiquei curioso com o quadro. É o novo quadro da HUPI? Tá pra sair uma análise dele, Adil?
    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Quanto ao quadro, os cabos por baixo do Down tube não ficaram legais não.

    Adil, a Manitou Tower tem até que medidas? Existe de 120mm?

    ResponderExcluir
  6. Adil, que gambiarra é essa no caliper do freio? Magueira do Juicy no caliper elixir? Tenho um elixir R, e quero usar a mangueira branca do juicy, explica como você fez!
    Que quadro é esse?? Mob?
    Grato
    Tiago Tofanetto

    ResponderExcluir
  7. Olá Ale,

    Sem dúvida nenhuma com o novo distribuidor a Manitou volta definitivamente a marcar presença no mercado de suspensões.

    Quem procurar agora, vai encontrar.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  8. Oi Claudio,

    Nós que somos "old school guys" lembramos bastante daquelas primeiras suspensões da Manitou.

    De fato é muito bom ver a marca voltando à cena como protagonista.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  9. Gostei do termo "easter egg".

    É isso mesmo Luiz, está com os olhos treinados.

    Lembra que eu falei sobre um protótipo de 29er leve que eu estava ajudando a desenvolver. Aí está ele.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  10. Olá Bruno,

    Você errou, não se trata da Hupi. É um protótipo de uma 29er de custo intermediário e alto desempenho, mais leve que uma Specialized Carve, por exemplo.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  11. Oi Fernando,

    Essa bike é apenas o primeiro protótipo. Assim como você, sugeri uma mudança no cabeamento.

    A Tower é fabricada com cursos de 80, 100 ou 120mm.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  12. Olá Tiago,

    Na verdade, eu comprei um jogo de conduítes hidráulicos da Jagwire para o Juicy, porque não havia outro para o Elixir e eu queria eles verdes.

    Levei para a equipe da Proparts e eles substituíram os originais, por esses. Não tem gambiarra, se o seu mecânico for qualificado, ele mesmo consegue fazer a troca. O único porém é que a interface entre o caliper e o conduíte é diferente e faz o cabo se dirigir mais para a frente.

    O quadro onde está montada a Manitou Tower Pro 29 é um protótipo, ainda sem nome e marca definidos.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  13. Valeu Adil, vou procurar um bom torneiro para fazer uma adaptação!
    Não tem um protótipo ai tamanho 20" para eu e meus amigos testarmos e dar opiniões??
    Quanto ao cabeamento ele poderia ser parecido com o da Stump ou da scale ano 2008, com os conduítes dos câmbios inteiros, passando por baixo do top-tube!
    Tiago Tofanetto

    ResponderExcluir
  14. Gostei do visual do crown da suspensão e do peso, so resta saber do preço, se também é compatível com a Proshock.
    Eldon (Resende-RJ)

    ResponderExcluir
  15. Olá,

    Primeiramente parabéns por esse site.

    Tenho até hoje uma Manitou X-Vert (acredito que ela seja de 1999) e continuo usando ela até hoje na minha Spz Hard Rock.

    Ainda preciso ler metade desse site mas gostaria de uma opinião de vocês.

    Eu pedalo muito mais no asfalto do que na terra e apesar de muitos amigos me persuadirem a andar com uma bike de Speed eu sempre gostei de MTB. Então, gostaria de saber se seria melhor pedalar no asfalto com uma 29 ou continuar com uma 26 mesmo. Estou apaixonado pela Niner Air Carbon com o garfo rígido de carbono deles. (Bike na cor laranja).

    Bom fico no aguardo de suas opniões. Obrigado.

    ResponderExcluir
  16. Gosto demais da marca, lembro que comecei a acompanhá-la nas Yeti's da Missy Giove... era apaixonado com ambas, a piloto e a suspa, kkk...

    ResponderExcluir
  17. Olá Fernando...

    Então, minha bike 29 ainda não nasceu, por enquanto continuo sondando o mercado a procura de itens com preços mais atraentes, mais opções de diferentes marcas.


    Tambem tenho uma duvida cruel... Compro uma bike 29 basica e faço um "transplante" de componentes da minha atual bike ou compro quadro, garfo, rodas e afins pra montar a tão sonhada 29'er

    Ainda estou terminando de montar minha bike 26... faz pelo menos 4 anos que estou trabalhando nesse projeto... atualmente o nivel de componentes são muito bons, Deore/SLX. O Proshock Onix de 100mm foi uma aquisição excenlente, agora só falta as rodas da Vzan modelo Everest.

    Quando acabar essa minha bike 26, meu proximo projeto é com certeza uma bike 29... Espero que em breve!!!

    Viva as rodas 29!!!

    ResponderExcluir
  18. Eu tambem sou da "Old School"!!! Tambem adorava ver a Missy Giove descer as montanhas... Principalmente em Mammoth Lake, palco do Kamikaze Downhill!!! Epoca muito legal, bike full com 80mm de suspa já tinha sigla DH, loucura!!!

    Existia o garfo Manitou EFC, com controle de compressão e retorno hidraulicos... e pasmen... suporte de freio a disco "post mount", um luxo pra epoca.

    Tenho um amigo que logo vai adquirir uma 29, vou aproveitar pra testar melhor e ver na real qual a diferença... aqui em Lavras - MG por enquanto vi somente duas 29, uma GaryFisher e uma Specialized StumpJumper igual a que o Adil testou recentemente.

    Talvez seja esse o motivo de não ter montado uma 29, falta um teste pratico!

    ResponderExcluir
  19. Adil,

    Preciso de ajuda sua...

    Estou pra adquirir um quadro 29, estou em dúvida da Carve e Merida 1000D, as duas estão na mesma faixa de preço, com qual vc iria?

    Outra coisa, estou com dificuldade de achar quadro P(15,15.5), só acho tamanho M(17,17.5). Tenho 1.68...vc acha que se for de M, vai ficar desconfortável pra minha altura?

    Grato!

    Vanderson

    ResponderExcluir
  20. Olá Eldon,

    Na verdade a Manitou Tower está em outra categoria e se comparada com a Proshock, é muito superior em termos de desempenho, construção e grafismo, sendo assim o preço é justificadamente maior, entre 1.410 e 1.840 reais.

    Por outro lado, a Tower tem um custo extremamente competitivo quando comparada com as Rock Shox, por exemplo.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  21. Olá Jorge,

    Seja bem vindo ao P29BR!

    As rodas das 29ers te permitem também montar pneus de estrada, por isso, na minha opinião, são uma ótima opção para pedaladas mesmo no asfalto. Frequentemente eu faço cicloviagens com a minha.

    Me sinto muito mais confortável na 29er do que em uma bike de Speed.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  22. Isso mesmo Juca e Ale,

    Vocês tem razão, na época da Missy Giove a Manitou já se mostrava inovadora.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  23. Olá Vanderson,

    O P29BR ainda não testou nenhuma Merida, por isso, prefiro não opinar. De todas as formas, ambas as marcas tem excelente reputação.

    O ideal para você é de fato um quadro tamanho pequeno, prefira de fato os menores.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  24. Gostei do protótipo.......
    Alguma previsão???

    ResponderExcluir
  25. Fala, Adil...

    Comentei sobre a Suspa Manitou e esqueci de elogiar o quadro que ficou em segundo plano.

    Adorei a junção do tubo inferior com o tubo superior e terminando na caixa de direção que tem um visual conificado... Simples e muito bonito

    Adil, mostra mais detalhes desse prototipo pra galera!!!

    ResponderExcluir
  26. ADIL, vai ter a tower pro conica tapered? to namorando uma manitou para a spz carve. deve ficar um conjunto bacana.

    ResponderExcluir
  27. Para o Ale Sabiá,

    O Adriano da Honda em Lavras tem

    uma rockhopper 29.Fale meu nome e

    peça que ele deixa vc experimentar!

    ResponderExcluir
  28. Francisco, valeu pela dica!

    Vou procurar o Adriano assim que possivel.

    ResponderExcluir
  29. Fala galera!!!! Tudo tranquilo!!!

    Manda um salve pro Adil, que partilha muita coisa legal ai pra gente aprender!!!! valew pelas dicas....

    Tenho uma aro 26 reformulada com pecas de boa qualidade e tal.....

    Porem quero ingressar nas 29er sem gastar muito e pude perceber que as Specialized estão com uma config. boa pra iniciar!!!

    Da uma dica de um site ou alguns sites legais pra efetuar a compra de uma!!!

    Abraços.....valew!!!!

    ResponderExcluir
  30. Olá Anônimo interessado no protótipo,

    Esse quadro só chega ao mercado no segundo semestre de 2012.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  31. Oi Ale Sabiá,

    Em breve vou postar fotos mais detalhadas desse quadro.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  32. Olá Tarcizio,

    Realmente a Manitou Tower combinaria perfeitamente com a sua Carve, já que o esquema de cores tem alguma semelhança.

    Por enquanto não está disponível no Brasil a versão tapered da Tower. No momento um adaptador seria a melhor solução parra você.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  33. Adil,

    E as rodas? A Vzan já lançou as everest xc 29 ou são apenas um protótipo? Quais as suas primeira impressões?

    Marcelo

    ResponderExcluir
  34. Ola Adil, Vale lembrar tambem que com o aprimoramento das tecnologias e geometria dos quadros, alguns modelos vem especificamente construidos para um determinado tamanho e curso de suspa e, mudando isso podemos mudar o comportamento e dirigibilidade da bike em algumas situaçoes.Atentem para os quadros top de linha que vendidos separadamente informam que curso da suspa é ideal para montagem.

    ResponderExcluir
  35. Adil, de todas essas marcas de suspensão qual vc me indicaria? Valeu! Um abraço! Vitor.

    ResponderExcluir
  36. Olá Marcelo,

    O lançamento das VZAN Everest 29 atrasou. Estou esperando uma confirmação da disponibilidade e em breve posto mais notícias.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  37. Olá Victor,

    Minhas marcas prediletas hoje são a Manitou e a Fox.

    Fico à disposição.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adil muito obrigado pela sua rsposta, e quero te dar os parabéns tb por esse seu site, é muito bom! É sensacional essa troca de experiências Eu ainda não adquiri a minha MTB, não temho dinheiro ainda, mas se Deus quiser terei a minha, por isso eu vou entrar aqui as vezes pra poder aprender mais, ta bom? Ainda tenho muitas dúvidas. Estou ingressando nesse mundo da MTB agora. Enfim... Obrigado Adil, um abraço!
      Victor

      Excluir
  38. Adil, venho acompanhando o P29BR há algum tempo, apesar de nunca ter postado.

    Tenho uma Stumpjumper M4 26 de 2004, estou querendo trocar por uma mtb mais nova e ai surgiu a grande dúvida, 26 ou 29?

    Pedalo a maior parte do tempo em estradão, mas os single tracks e trechos técnicos são os meus preferidos.

    Em uma 29er vou perder agilidade e aceleração? Eu realmente não gostaria de perder desempenho em trechos técnicos.

    A principio seria uma HT a nível de Stumpjumper comp 2012, oq mais vc poderia me recomendar? Scott, niner? Outra idéia é comprar um quadro e montar a bke.

    Brigadão pela ajuda.

    Um abraço,
    Guilherme

    ResponderExcluir
  39. estou em duvida em comprar uma prochock oni ou uma manitul Tower Pro 29er

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Klério,

      Ainda não experimentei a nova Onix da Proshock, mas num primeiro momento teria uma tendência a optar pela Manitou. Pessoalmente considero que a Proshock ainda tem que evoluir.

      Abs,

      Adil

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens Recentes no P29BR