Procure nos arquivos do P29BR

quarta-feira, 11 de abril de 2012

P29BR 29ER TEST / Freios Hayes Dyno Sport

Seriam os freios mais baratos do mercado capazes de parar uma 29er?

Com essa pergunta em mente, solicitei ao representante Hayes no Brasil um par dos freios Dyno para montar na MOB Stamina 29 do P29BR. A ideia era experimentar freios hidráulicos de entrada numa 29er de mesma categoria, um pacote economicamente acessível e viável para aqueles que pretendem migrar para o aro 29 polegadas, mas dispõe de um orçamento limitado.



O Hayes Dyno tem preço sugerido de R$ 199 para cada lado (manete, mangueira e pistão). Trata-se de um produto acessível, ainda assim a tradicional fabricante de freios considera o equipamento tão confiável que oferece garantia "lifetime" (vitalícia) contra vazamentos. O fluido utilizado é um DOT 4, com alta resistência ao aquecimento, visando garantir uma frenagem eficiente e sempre segura. O peso do conjunto dianteiro ou traseiro está na casa de 400 gramas, variando um pouco em função do comprimento dos conduítes.

O design compacto e elegante dos manetes do Dyno lembra o de outros já consagrados e anteriormente produzidos pela própria Hayes, contudo as partes internas foram completamente atualizadas e desenvolvidas especificamente para este novo modelo que conta com a mesma tecnologia dos respeitados Hayes Prime. Segundo a fábrica, o conceito tecnológico empregado foi emprestado dos freios das míticas motocicletas Harley Davidson.



A montagem do Hayes Dyno se mostrou bastante simples, em minutos o conjunto estava instalado. Para a dianteira preferi um rotor de 180mm, na traseira mantive o padrão de disco de 160mm. Num primeiro momento, mesmo estando ainda dentro do chamado período de "burnish" (50 primeiras frenagens), o funcionamento do sistema apoiado por pastilhas semi-metálicas de longa duração me pareceu relativamente silencioso, ao contrário do que em geral ocorre com modelos econômicos de outras marcas.


Em termos de potência e modulação, prefiro falar com mais precisão depois de colocar algumas centenas de quilômetros no conjunto da Hayes. Dentro de algumas semanas volto com as minhas conclusões.

Keep 29eriding!

17 comentários:

  1. Adil, que garfo é esse??
    Tiago Tofanetto

    ResponderExcluir
  2. Oi Tiago,

    O garfo na foto é um Voodoo 500 de cromo.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  3. Esse Hayes lembra muito os antigos Shimano BL-M486, que são muito bons!!!

    Tenho um conjunto Shimano desse modelo, nunca tive problemas de frenagem, sempre foram eficientes em varias condições.

    Mas o Hayes fica com cara de velho diante dos Shimanos 445, bem mais elegantes e com preço bastante parecidos.

    Se tivesse que escolher... Fico com os Shimanos.

    Esse Hayes Dyno devia ter o visual dos irmãos mais caros, ai sim ficaria uma duvida cruel, o Hayes Stroke é muito bonito!!!

    ResponderExcluir
  4. Cara não sei se sou o único com esse problema mas comprei a two niner da caloi e adorei os freios hidraulicos( não sei como vivia sem eles) mas o lance que me irrida é porque os freios dianteiros tem que ser sempre os da esquerda e os trazeiros sempre os da direita?

    Nas motos o dianteiro é da direita.

    Falo isso porque não tem logica vc usar os freios dianteiros na esquerda, veja só:

    Os freios que vc imprime mais força é o dianteiro, se vc for destro vc terá mais musculos, logo, mais força com a mão direita, salvo se vc for canhoto aí tudo bem.

    A logica é assim, vc faz um freio ABS humano mais correto desta maneira se vc for destro. Maior controle e foça com o freio dianteiro com a mão direita e traseiro, que requer menos força e menos travamento com o traseiro.

    Fica o tema para debater com a galera...

    ResponderExcluir
  5. Questão de costume Anderson. Nada impede que você troque a posição das mangueiras, um colega meu usa desse jeito, ele é canhoto. Detalhe, na inglaterra é usado desse jeito!

    ResponderExcluir
  6. Olá Anderson,

    Muito bem observado.

    Quando comecei a andar de mountain bike, no início da década de 90, também preferia montar meus freios seguindo o padrão das motocicletas.

    Hoje, caso queria utilizar seus freios dessa maneira, muitas marcas oferecem opções "ambidestras" de montagem em seus modelos de categoria superior.

    Se o seu freio não permite a utilização no estilo moto, existe ainda a opção de levá-los a um mecânico para trocar de lado as mangueiras.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  7. Perguntinha fora do contexto. Onde você conseguiu essas manoplas?

    ResponderExcluir
  8. Olá Luiz,

    Comprei as manoplas ESI nos Estados Unidos. É o modelo Chunky, mais confortável que o Racer.

    Abs,

    Adil

    ResponderExcluir
  9. Olá Adil,
    Cara o seu blog é muito bom, parabéns...Se me permite gostaria de tirar uma duvida, tenho uma Fuji 29 Nevada 1.5, escolhi essa bike porque no momento era o melhor custo beneficio para mim em uma 29. Gostei muito da 29 anda demais chego a pegar 70km na descida e apesar de ser uma bike de entrada costumo andar de igual para igual com pessoal que tem bikes tops; Ela tá com 500km rodados em exatos 25 dias, estou pegando firme rsrsrsr...Mas no ultimo role tive um grande susto ela vem com os freios Hayes Dyno, pois bem, comecei a descer uma estrada de terra longa e muito inclinada com um cotovelo a esquerda de da medo no final, até ai tudo que um biker gosta, se não fosse pela falta de freio do meio para baixo, fiquei muito assustado e estou até agora, pois a estrada era muito estreita e se tivesse vindo um carro de encontro acho que seria trágico. Li em outros blog que tem haver com aquecimento e a pilotagem com o freio muito acionado. Tenho 1,85m peso 99kg e a bike equipada 14,5kg. O que vc acha que pode ter ocorrido? Valeu Abraço. Ayres Junior - Mogi Guaçu-Sp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ayres,

      Pelo seu peso e da bike, o ideal seria utilizar um rotor maior, se possível do tipo "floating" que dissipa muito melhor o calor.

      Nunca tive problemas de superaquecimento com o exemplar de testes.

      Abs,

      Adil

      Excluir
  10. Boa tarde Adil.
    Primeiramente, parabéns pelo excelente blog.
    Gostaria de saber se você já tem alguma nova informação a cerca desses freios.
    Estou curioso pois terminei de comprar uma Soul SL 500 que pode vir com esses freios ou com o Shimano M446. Assim, queria saber se, caso minha bike venha com o Hayes, devo mantê-lo ou trocá-lo.
    Att
    Micael

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Micael,

      Obrigado por participar do P29BR!

      No seu caso, eu manteria o Hayes.

      Abs,

      Adil

      Excluir
  11. TENHO UMA KHS ALITE 1000 E VIERAM COM OS FREIOS HAEYS DINO,ACABARAM AS PASTILHAS E AGORA NÃO ENCONTRO EM LUGAR NENHUMMM! LIXO !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MTBtrip.com.br entra em contato com eles, eles tem!

      Excluir
  12. Revivendo o post de 2012! rsrsrs Amigo, quem representa a Hayes aqui no Brasil? Encontrei uma FEPASE, mas ao enviar e-mails eles não me respondem! Possuo um par de freios Stroker Trail e não consigo achar peças de reposição (o'rins, pistões). Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Esdras,

      Segundo apuerei a FEPASE ainda é a representante da marca.

      Você pode entrar em contato direto com a assistência técnica deles: henrique@fepase.com.br

      Qualquer dificuldade, me avise.

      Abs,

      Adil

      Excluir
    2. Adil, muito obrigado pelas informações! Qualquer novidade posto aqui. Mais uma vez obrigado!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens Recentes no P29BR